Home » A Festa » Bufê japonês no casamento: tudo o que precisa saber

Bufê japonês no casamento: tudo o que precisa saber

Bufê japonês no casamento: tudo o que precisa saber

Sushi, sashimi, hot filadélfia e outras delícias do Hinata Bufê Japonês garantem suprir até as melhores expectativas.

Muitas questões surgem na hora de contratar o bufê especializado em um único tipo de comida. Qual a média de preço? Como funciona o cálculo por convidado? Durante quanto tempo o bufê é servido? Quais as opções de peças do menu? Buscando esclarecer as dúvidas dos noivos apaixonados pelas iguarias orientais, conversamos com a empresária Mayumi Muto, que tem presença registrada há mais de 20 anos no mercado de casamentos e eventos sociais. Apresentação impecável, cortes de peixes na espessura ideal e alimentos bem fresquinhos! Não é à toa que o Hinata Bufê Japonês não tem estabelecimento fixo e é especializada em atender eventos.

Existem várias formas do bufê japonês acontecer em um evento. Com a intenção de harmonizar o menu e manter a essência do Japão, Mayumi busca elaborar os cardápios priorizando as peças mais tradicionais, destacando o sushi e o sashimi de salmão e atum. O hot filadélfia, servido do início ao fim do atendimento, nunca pode ficar de fora, já que é um dos campeões na preferência dos brasileiros.

Hinata bufê Foto: Fábio Bahiense Fotografias

Hinata bufê Foto: Fábio Bahiense Fotografias

ALINHAMENTO E ORGANIZAÇÃO

Segundo a expert, os anfitriões querem fazer o casamento com fartura e elegância. Sendo assim, primeiramente, deve ser feito um cronograma para definir como o bufê japonês vai ser inserido na festa. Ele pode ser uma entrada para o jantar ou até mesmo uma opção de ponto fixo para um cardápio de mini degustação (Tudo dependendo do número de pessoas. Quanto maior a quantidade de convidados, maior deverá ser o tempo de atendimento).

Como a prioridade é do bufê principal, Mayumi procura alinhar os serviços, conhecendo a equipe do outro profissional para se adequar à linguagem deles e à expectativa do casal sobre o funcionamento gastronômico do casamento. Organizada e sempre procurando se adaptar da melhor maneira, ela costuma fazer uma visita técnica à cozinha do local da celebração.

O tempo de serviço pode variar de duas a cinco horas, além de possíveis horas extras. Valores e cálculo por convidado são baseados no cardápio estruturado de acordo com o gosto do cliente. Segundo a empresária, para não ficar deselegante, o bufê de comida japonesa deve ser servido por pelo menos duas horas.

Hinata Bufê - Foto: Fábio Bahiense Fotografias

Hinata bufê - Hot Filadélfia - Fábio Bahiense Fotografias

Hinata bufê - wasabi Foto: Fábio Bahiense FotografiasHinata bufê - wasabi Foto: Fábio Bahiense Fotografias

Hinata bufê - Hashi Fábio Bahiense FotografiasHinata bufê - Hashi Fábio Bahiense Fotografias

Hinata bufê - gergelim - Fábio Bahiense FotografiasHinata bufê - gergelim - Fábio Bahiense Fotografias

Hinata bufê - gengibre - Foto: Fábio Bahiense FotografiasHinata bufê - gengibre - Foto: Fábio Bahiense Fotografias

Hinata bufê - barquinhas brancas - Foto Fábio Bahiense FotografiasHinata bufê - barquinhas brancas - Foto Fábio Bahiense Fotografias

Constantemente atenta à qualidade de serviço, Mayumi deixa dicas preciosas:

“Analisem o cardápio oferecido, o número de pessoas na equipe, como acontece a reposição e se o bufê tem o material necessário. Não adianta ter a comida se não tem equipe e louças para servir. Observem também a qualidade e a conservação dos alimentos. Nós, por exemplo, só começamos a montar as peças nas barcas e bandejas uns 15 minutos antes do início do atendimento para que tudo permaneça fresquinho!”

Deixe um Comentário ( Não Custa nada )

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados *

*

x

Check Also

BOLO SENSAÇÃO DE MORANGO (de Aniversário do canal) – Receitas de Minuto #335

Aprenda a fazer essa Receita Fácil, Rápida de Bolo de Chocolate com Recheio de Mousse ...

5 DICAS PARA COZINHEIROS OCUPADOS (truques para não perder tempo na cozinha) – Me Ajuda Gi #13

Sabe aqueles dicas que vocë chega em casa e não sabe o que vai comer? ...